Dia do Casamento

casamento

No dia 19 de fevereiro fez exatamente 8 anos que eu estava me preparando para um dos dias mais marcantes da minha vida:
o Dia do meu Casamento!

Vou contar a minha experiência dos acertos e erros para você que vai casar, também poder se preparar.
 
 
 
 

 

Eu me casei 4 meses depois da minha mãezinha falecer. Não estava com cabeça para nada, só queria mesmo sair de casa e recomeçar uma vida inteiramente nova ao lado de quem eu amava. Portanto, foram decisões rápidas: vestido, buffet, músicas,… (tive apenas 1 mês para me organizar depois da nossa decisão… e tem gente que se organiza 1 ano antes… rsrs)

Nosso intuito era investir na viagem de Lua de Mel e só fiz festa, pois minha mãe havia me pedido… Não queríamos gastar muito e nem tinha clima para festa na família, então foi tudo muito simples.

Decidimos a data do casamento baseando-se no dia da viagem – seria 11 dias conhecendo o leste do Canadá (Depois disso resolvemos entrar com o processo de imigração. Êhhh!).

Maquiagem-de-Noiva

Veja como me organizei para este dia especial:

A primeira coisa foi alugar o buffet com tudo incluso por um preço bom. Desde seguranças, comida, decoração, DJ, etc…

1. Salão
Salão para 70 pessoas (totalmente mão de vaca!). Minha família é extremamente grande e tive que eliminar algumas pessoas mesmo querendo muito tê-las convidado.

Arrependimento: Se eu pudesse voltar atrás, teria dado um jeito de tê-los na festa. Esta, foi com certeza a parte mais complicada de todo o casamento…

2. Decoração
No pacote, fechei com flores naturais, e no dia do casório me deparo com tudo decorado com flores artificiais. Uma vez na festa, o negócio é não se estressar…

Arrependimento: Deveria ter checado a decoração um dia antes e não ter confiado somente na palavra da dona do salão.

3. Comida
O correto seria um almoço, mas deixamos claro que seria algo simples para os nossos convidados (que por serem poucos, eram íntimos), e escolhemos salgados. Ninguém passou fome e a dona da organização da festa até preparou uma marmitinha para a gente levar no avião (viagem marcada para o mesmo dia).

Arrependimento: Nenhum!

4. Fotógrafo
Era um senhorzinho. As fotos antes do casamento (que foi feito um quadro para as pessoas assinarem na entrada), não ficou como eu queria. Não sabia que poderia ter escolhido um parque ou algum lugar bonito e fizemos na casa dele que imaginei que seria um “estúdio”…

Como o casamento não teve ensaio, no dia era ele quem falava o que eu deveria fazer (eu estava perdidinha!)

No final, quase não tive fotos com a daminha de honra e nem muitas fotos só do casal.

Arrependimento: Deveria ter se informado melhor como funcionavam as fotos antes do casamento e ter ensaiado e pensado melhor nas fotos durante a festa.

5. Convite
Encomendei uns convites fofos! Nem muito caro e nem o mais barato.

Arrependimento: Nenhum!

6. Lembrancinhas
Mega simples, só pra não falar que não dei nada… Acho a maior bobeira, pois quase ninguém guarda, mas faz parte da tradição. Comprei tudo na 25 de março.

Arrependimento: Nenhum, não acho que vale a pena gastar muito dinheiro nisso.

7. Música
No pacote do salão também tinha DJ, que por sinal, faltou no dia. Eu ainda estava no carro quando me falaram que não tinha a marcha nupcial para eu entrar e que eu teria que ficar feliz com Kenny G. Quase chorei, mas a minha irmã me consolou e disse que ia ficar lindo. E ficou! Muita emoção ao entrar… Minha escolha preferida foi a música para a entrada da daminha com as alianças. Perfeito!

Arrependimento: Não ter tido valsa, porque o animador/DJ faltou. Ninguém dançou (pois não tinha clima), mas se você está preparando sua festa, ter a galera dançando no vídeo e animar o povo, é algo que deve ser considerado.

vestido-de-noiva

8. Vestido
Segundo aluguel. Caiu como uma luva! Nem ajustes foram necessários! Queria algo simples e bonito já que o casamento seria de dia.

Arrependimento: Não chega a ser um arrependimento, pois amei meu vestido, mas uma das coisas que alerto é para o tipo de manga. A manguinha do meu vestido era caída e em muitas fotos ficou torta 🙁

9. Sapato
Procurei sapato branco, mas nenhum me agradou e custavam caros (aqui fui mão de vaca assumida!). Usei uma sandália branca da minha irmã que tinha strass. Hehe! Adorei!

Arrependimento: Nenhum

10. Bijoux
Comprei um kit de corrente e brincos de strass também na famosa 25 de março (na época não sabia da existência das lojas onlines que ensino no curso Como comprar artigos de moda direto do fornecedor). A bijoux brilhava tanto que todos reparavam e elogiavam…

Arrependimento: Na hora de tirar a roupa no quarto do salão pra poder pegar um táxi para ir ao aeroporto, acabei não prestando atenção com a pressa e perdi o colar e os brincos 🙁

11. Bouquet
Encomendado em uma florista de rua perto da 7 de Abril em SP. Quase tive um infarto! O bouquet chegou em cima da hora e ao invés de chegar os lírios naturais chegaram rosas brancas. Foi decepcionante! Mas ficou lindo nas fotos.

Arrependimento: Melhor pagar mais caro e comprar em uma floricultura, mais garantido!

12. Unhas
Bem básica, cor clarinha. Ficou ótimo, mas se fosse hoje usaria unhas decoradas 🙂

Arrependimento: Nenhum

13. Maquiagem
Ganhei de presente! A maquiadora conseguiu cobrir as imperfeições e eliminar a bolsa que tenho debaixo dos olhos que sempre me incomodavam. Ela usou produtos à prova d’água e fez uma maquiagem suave. Me senti com rosto de boneca, adorei o efeito! Chorei tanto e estava impecável nas fotos e no final da festa.

Arrependimento: Nenhum

14. Cabelo
Ganhei de presente do meu super, master cabeleireiro. Rsrs… Confiei totalmente no gosto dele e não dei pitaco. Ele acertou em cheio! Não teve um convidado que não comentasse… Ficou maravilhoso!

Arrependimento: Nenhum. Mas deu um trabalhão para tirar os grampos e desfazer o penteado para ir para o aeroporto. Hehe!

penteado para casamento

Como deu pra perceber, foi tudo muito simples, mas de bom gosto.

No dia do casamento ocorreram muitas falhas, mas me sentia anestesiada. Não tinha tomado nenhum chazinho, mas estava tão calma… que até hoje não entendo como consegui…

Não me arrependo da festa, não me arrependo da viagem, e muito menos de ter casado.

 

Conselhos de alguém 8 anos casada:

Casar é fácil, difícil é manter um casamento (já ouviu essa, né?)
O que mantêm é a cumplicidade, companheirismo e paciência, muuuiiiita paciência!

E sabe o aviso de mãe: “Quando casa muda!”
É a mais pura verdade! Hahaha! Muda pra pior… devido as responsabilidades. Mas a gente cresce, amadurece e tudo fica bem!
 

Espero ter ajudado com as dicas… Tenha um casamento lindo!

 

Both comments and pings are currently closed.

Sem comentários.